Pressão social funciona e governo recua. Agora, tem apenas 150 votos para Reforma da Previdência


Neste final de semana, aliados de Michel Temer colocaram na ponta do lápis e descobriram a grande enrascada. Após pressão social por todas as partes, com uma rejeição da Reforma da Previdência em 71% (segundo Pesquisa do Datafolha), o governo recua e tem apenas 150 votos certeiros em apoio à novas regras para aposentadoria.

Segundo apurou no blog Painel, da Folha de São Paulo, a erosão do capital político do presidente veio após seu esforço para barrar a denúncia de Rodrigo Janot na Câmara. Antes da denúncia, o governo contava 255 apoios às mudanças na Previdência. Entre esses, porém, 105 votaram pelo afastamento de Temer e agora são considerados incógnitas quanto às mudanças na aposentadoria.

Recomendamos para você


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.


*