24 de maio: brasileiros ocupam Brasília

Movimento Ocupa Brasília exige o fim das reformas trabalhista e previdenciária


Em sinal de luta contra a reforma trabalhista e previdenciária, sindicalistas da Força Sindical e as demais centrais realizam “Marcha à Brasília”, nesta quarta-feira (24). Trabalhadores das mais diferentes categorias já chegaram de ônibus das regiões Norte, Nordeste, Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, rumo a Capital Federal.

A concentração dos trabalhadores da Força Sindical será no Parque da Cidade, ao lado da Torre de Televisão, com saída às 11 horas rumo ao Congresso Nacional. “Esperamos mais de 100 mil pessoas”, declara João Carlos Gonçalves (Juruna) secretário-geral da Força.

O secretário-geral afirma que “os trabalhadores estão indignados com a disposição do governo de retirar seus direitos, já que esta decisão do governo traz muita insegurança”.

As centrais oficializaram um documento onde pedem uma solução democrática para a crise, e que leve em conta todos os interesses da sociedade, tanto dos trabalhadores como do empresariado. “Os trabalhadores querem que este debate seja respeitando a Constituição e com propostas democráticas”, reforça Juruna.

Recomendamos para você


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.


*